Sábado, 25 de Junho de 2022
31°

Nuvens esparsas

Rio Branco - AC

Política Opinião

ACRE EM NOTAS | CONQUISTA

Aníbal Diniz, jornalista e ex senador, foi aprovado no Exame da OAB do DF. E a felicidade maior foi receber a carteira da Ordem das mãos de sua filha Janaína, hoje advogada estabelecida e renomada no Distrito Federal

06/05/2022 às 13h24
Por: Redação Fonte: Acreaovivo.com
Compartilhe:
ACRE EM NOTAS | CONQUISTA

Conquista

O jornalista e ex-senador Aníbal Diniz comemora outra grande conquista, entre tantas em sua vida, essa com uma carga extra de simbolismo e emoção. Formado em Direito em Brasília, onde fixou residência, foi aprovado no Exame da OAB local. E a felicidade maior foi receber a carteirinha da Ordem das mãos de sua filha Janaína, hoje advogada estabelecida e renomada no Distrito Federal.

Pai e filha

Há poucos anos, era Aníbal quem entregava a carteira à filha, que agora retribui o gesto tão pleno de amor e simbolismo. Parabéns a Aníbal, que saberá seguir na profissão com a mesma ética e qualidade que mostrou em todas as outras atividades que desenvolveu ao longo de sua invejável trajetória profissional e de uma vida digna e honrada.

Teatro ou pressão?

Anunciado ontem por alguns políticos, o possível novo entendimento entre o senador Márcio Bittar e o governador Gladson Cameli deixa uma pulga atrás da orelha do eleitor. Teria sido mesmo um final feliz de amplo entendimento entre os dois políticos, um teatro encenado para a população ou o resultado de pressões e ameaças?

Pressionado

O governador Gladson Cameli vive uma situação paradoxal mas as vezes parece não perceber que tem uma aceitação razoavelmente tranquila na opinião pública,boas perspectivas eleitorais. Ao que parece, sofre desde o começo de sua administração tentativas de alegados aliados de emparedar sua gestão. Algumas chantagens  explícitas, que pelo visto é obrigado a engolir.

Trajetória

Desde o começo de sua gestão, alguns aliados de primeira hora ficaram pelo caminho nas relações com o governador Gladson Cameli. Mas uma coisa é preciso reconhecer: O governo e o Acre são muito pequenos para tantos interesses políticos acumulados.

MDB

O rompimento com o MDB também era uma solução inevitável. A única opção para o partido era se reinventar em busca do protagonismo há tantos anos perdidos. O deputado Flaviano Melo sabe que precisa oxigenar a legenda, renovar as gerações e fazer o MDB voltar a ter papel de protagonista no Acre. Encorpou o partido com novos nomes para cargos proporcionais, escolheu uma boa candidata ao Senado e se permitiu abraçar o acordo com os irmãos Rocha, que não devem ficar por muito tempo na legenda, como é do feitio dos dois.

Na espera

O governador está marcando passo na campanha, à espera da demorada solução de seus pedidos ao Superior Tribunal de Justiça, em Brasília, para anular as operações e investigações da Polícia Federal contra ele. Por duas vezes, o assunto esteve na pauta da corte especial do STJ e não foi analisado. O cenário ideal para o governador é a anulação das Investigações o que daria novo fôlego à campanha e desarticularia  ataques dos adversários.

Desaforos

É parece que é em nome dessa espera e da perspectiva otimista é que o governador ainda engole alguns desaforos. Para usar uma metáfora futebolística, ele tem se obrigado a ficar trocando passes em seu próprio campo, esperando a decisão e o momento certo para a infiltração na área adversária.

Indefinido

O fato é que a eleição no Acre continua indefinida, dois meses antes das convenções partidárias. Tudo ainda pode acontecer.

Perigo

Foi identificado na Argentina o primeiro caso na América do Sul da nova variante de hepatite, que atinge principalmente crianças e que ainda é de origem e tratamento desconhecidos. O alerta deve ser especial para o Acre, a terra em que a hepatite em suas diversas formas é endêmica. Basta lembrar que, antes dessa nova variação, o último tipo fatal de hepatite identificado no mundo foi estudado a partir de casos na região entre Acre e o Sul do Amazonas.

Grave

Conhecida inicialmente como a misteriosa “febre negra de Lábrea”,  a doença foi enfim descrita e estudada como a hepatite D, uma recidiva fatal da hepatite A. Houve tempo em que as campanhas de vacinação contra hepatite eram eficazes e contiveram a doença. Hoje, tal como acontece com outras doenças, são negligenciadas. Espera-se que, com essa nova ameaça, a preocupação faça com que as pessoas se voltem para a imunização.

Sarampo

E surgiu o primeiro caso de sarampo no estado, depois de muitos anos. É uma vergonha o aparecimento de doença que pode ser tão grave e evitável com a correta e simples vacinação.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Acre em notas
Acre em notas
Sobre Painel sobre política e bastidores das notícias
Rio Branco - AC Atualizado às 17h01 - Fonte: ClimaTempo
31°
Nuvens esparsas

Mín. 20° Máx. 34°

Dom 33°C 22°C
Seg 33°C 21°C
Ter 34°C 22°C
Qua 34°C 23°C
Qui 34°C 22°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes