Domingo, 16 de Janeiro de 2022 13:40
(68) 99971-5137
Política Evasivo

Governador é sabatinado pelo UOL e não apresenta nenhuma defesa das acusações da Operação Ptolomeu

Gladson Cameli disse que pré-candidato e que acredita que a investigação não terá impacto nas eleições

15/01/2022 10h09
Por: Redação Fonte: Acreaovivo.com | Com informações UOL
Gladson Cameli foi sabatinado por jornalistas no canal UOL News. Imagem vídeo reprodução.
Gladson Cameli foi sabatinado por jornalistas no canal UOL News. Imagem vídeo reprodução.

O governador Gladson Cameli deu entrevista ontem ao canal UOL News, apresentado por Natália Mota e transmitida por aquele portal para suas redes sociais e Youtube. O governador se recusou a explicar e a se justificar das acusações contidas na investigação da Operação Ptolomeu, desencadeada pela Polícia Federal, aparece como alvo, junto com sua família e as empresas de seu pai e irmãos. Gkadson alegou que a investigação corre em segredo de justiça, embora seu conteúdo tenha vazado com a íntegra dos procedimentos e acusações em mais de 800 páginas.

Ele repetiu várias vezes que não poderia antecipar declarações pois não seria o momento e poderiam prejudicar a apuração, mas disse querer a verdade. Disse que vai chegar o  momento de se manifestar e que seus advogados vão cuidar disso no momento oportuno. Provocado pelos jornalistas Thales Farias e Handrikson de Andrade sobre quem ele apontaria que estaria por trás das denúncias, disse que não vai politizar o caso, que confia na Polícia Federal e nas demais instituições e não vai apontar possíveis culpados. Visivelmente, Gladson não quis se comprometer nominando adversários que poderiam estar envolvidos em ampliar o tom das acusações.

O governador apenas garantiu que “não há nenhuma possibilidade de ter ocorrido irregularidades no governo”, e disse que sempre fez questão da transparência. Afirmou que desde o primeiro começo de sua gestão, tem procurado os órgãos de controle para fiscalizar todos os seus procedimentos. Citou como exemplo as ações e investimentos do governo do estado durante a pandemia, os gastos emergenciais, que, segundo ele, tiveram completo acompanhamento desses órgãos. Ressaltou também que foi pioneiro em instalar uma delegacia para apurar crimes de corrupção.

Admitiu aos jornalistas que seu patrimônio aumentou, mas disse que isso foi fruto da inflação e da pandemia, que provocaram a valorização de seus bens. Que todo o seu patrimônio tem origem lícita e declarada.

Atribuiu o aparecimento de seu nome na investigação a um diálogo entre dois empresários que estavam na mira da PF. Diz que é normal que as pessoas citadas em qualquer momento de uma investigação passe também a ser investigada, mas que no momento certo vai mostrar que não tem nenhum envolvimento.

Indagado se essa investigação não prejudica sua candidatura à reeleição, disse que é pré-candidato e que acredita que o fato não terá impacto. “Eu sou pré-candidato, se Deus me permitir e conseguirmos virar essa página. Confio na Justiça e no trabalho que venho realizando”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Rio Branco - AC
Atualizado às 15h22 - Fonte: Climatempo
32°
Muitas nuvens

Mín. 22° Máx. 31°

36° Sensação
6 km/h Vento
56% Umidade do ar
67% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (17/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (18/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.