Quarta, 25 de Maio de 2022
24°

Alguma nebulosidade

Rio Branco - AC

Entretenimento Por Socorro Camelo

TAGARELICES | Domingo é domingo

O dia em que aqui em casa por decreto meu, a gente fica praticamente o dia inteiro embolado, comendo junk-food e vendo filmes

25/10/2021 às 08h56 Atualizada em 19/11/2021 às 08h03
Por: Redação Fonte: Acreaovivo.com
Compartilhe:

Caraca, esqueci completamente que precisava escrever a coluna “Tagarelices”.  Sei nem se alguém lê, mas para mim compromisso é compromisso. E eu adoro uma cultura inútil, umas bobagens de vez em quando. Relaxa né?

E domingo é domingo né pessoal!

O dia em que aqui em casa por decreto meu, a gente fica praticamente o dia inteiro embolado, comendo junk-food e vendo filmes. No máximo, arrisca uns mergulhos na piscina. Isso eu, né, porque pelo marido passaríamos o domingo andando de moto, passeando de barco ou fazendo qualquer coisa que só de falar já vai dando uma preguiça danada. Ô homem inquieto, credo!

Parece que tem mil fôlegos.

Mas o domingo também é dia de jogar fora o que é tralha, doar o que tá bacana e separar coisas. Dia de doar livros que já estão infantis demais para a nossa baby cacheada e abrir espaço na estante para livros novos!  Dia de dar aquela arrumada no quarto e tentar organizar o cantinho da leitura!  Dia de ficar exausta e feliz da vida! Mas com uma dor nas costas de uma senhora de 95 anos.

White 

Esse folgado aí da foto é o White, que a Mari insiste em dizer que é filho dela (mas gente virei avó de pet agora é? Era só o que faltava!) e tem o Dudu também (own!) . Eu não sou de ficar paparicando meus ne… ops, meus cães, mas eu acho que um animal de estimação é necessário. Eles diminuem a carência afetiva, não julgam, não ligam se temos celulite, se engordamos e se gastamos uma grana alta em três pares de sapatos iguais ( só exemplificando, hein!).

Eles amam a gente do jeito que a gente é, sem tirar nem pôr, e você só precisa colocar ração, mandar de vez em quando pra banho e tosa.

 

Como viver sem um desses?

Vale a pena, mesmo que seu cachorro seja um danado de um fujão e te faça correr feito uma louca, descabelada, descalça e no sol quente, pelo quarteirão inteiro.

E é meio mentira isso, porque quem corre atrás dele, não sou eu não. Não vou, mas fico com vontade de dar na cara dele, quando conseguem pegá-lo e ele ainda vem todo serelepe balançando o rabinho.

Ô alminha levada essa!

Sempre Clarice

Não vou bancar a tia chata colocando trechos mais trechos de livros aqui para vocês, mas leiam “A descoberta do mundo”, livro de crônicas compiladas da coluna de Clarice Lispector, no Jornal do Brasil. Leiam e façam um afago em vocês mesmos.

 

Luz umas para outras

Ei, mulheres, vocês já pararam para pensar o quanto de beleza que há em nós? E quanta disputa besta e sem sentido nos afasta. Eu acho que devíamos viver como se carregássemos refletores no peito. Para iluminar outras mulheres. Talvez seja a graça de tudo, na verdade. Uma iluminando a outra.

Vi numa postagem no Twitter, alguém falando que feminismo não é deixar os pelos da axila crescerem. Feminismo é ver que uma mina deixa e tudo bem. Ver que outra depila e tudo bem também. Ou seja faz o que quiser. Seja feliz.  Eu não gosto de competir com ninguém, se você está na frente, fico feliz por você, se você está com pressa, eu te deixo passar. Minha competição é comigo mesma, chegar no fim do dia sabendo que fiz o possível para me tornar uma pessoa melhor.

Quer publicar seu livro?

Ei você, que tem vontade de publicar um livro. Presta atenção que essa nota é para você: a Eme Amazônia, empresa que atua há 28 anos no Acre, e  tem no comando o advogado Cassiano Marques (e euzinha também),  agora também passa a atuar no mercado editorial.

 

E começamos com o pé direito!

Nosso primeiro trabalho como editora de livros já está pronto. E tá lindo! Tem lançamento previsto para o dia 29 de outubro, às 19h30, no Palácio da Justiça.

 “Que Será, Será? - Da dúvida à esperança na cura do câncer” livro da professora Edir Marques, abre com chave de ouro esse novo ciclo.

O dela e o nosso.

Trata-se de um testemunho emocionante de uma luta contra o câncer de mama, que derrubou em instantes os portões de sua vida certinha.

A cada virada de página, a escritora admite seu medo, suas dúvidas, mas também nos dá uma lição de esperança, fé e amor. E ressurge, como uma linda fênix.

A EME Amazônia Editora nasce, inspirada na coragem e grandeza de Edir Marques, nosso trevo de quatro folhas.

A nossa causa é unir os mais variados tipos de leitores. Um público facetado de idades diferentes, mas capazes de nos ajudar a ressignificar a vida, com um convite para reconstruir o olhar e alimentar questionamentos e propagar conhecimento.

Boa semana!

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
TAGARELICES
TAGARELICES
Sobre Coluna de entretenimento aos domingos assinada pela jornalista Socorro Camelo (065-DRT)
Rio Branco - AC Atualizado às 21h51 - Fonte: ClimaTempo
24°
Alguma nebulosidade

Mín. 22° Máx. 34°

Qui 33°C 21°C
Sex 33°C 21°C
Sáb 34°C 23°C
Dom 33°C 23°C
Seg 32°C 22°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes