Quinta, 09 de Dezembro de 2021 04:27
(68) 99971-5137
Política Opinião

ACRE EM NOTAS | Pesar

Mãe do ex-governador Binho Marques faleceu hoje em decorrência de complicações de um câncer no intestino.

21/10/2021 20h50 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Fonte: Redação
ACRE EM NOTAS | Pesar

Pesar
Nossos sentimentos ao ex-governador do Acre Binho Marques pelo falecimento da sua mãe, dona Clélia Fecury aos 95 anos. Dona Clélia faleceu em decorrência de complicações de um câncer no intestino. Professora aposentada da escola Maria Angélica de Castro, foi casada com Arnóbio Marques, com quem teve cinco filhos, Márcia, Martha, Mirtes, Antônio (já falecido) e Binho. Clélia Fecury, era filha dos comerciantes Abrahão e Nazle Fecury, sírios libaneses que vieram pro Acre nos anos de 1950.

Ops, me enganei
O ex-vereador do município do Jordão, Roberto Rodrigues de Olinda, esqueceu-se de que estava em um grupo de WhatsApp e acabou gravando um áudio, dizendo dividir com outras duas pessoas o salário de assessor, no gabinete do deputado estadual Jenilson Leite, pré-candidato ao governo do Acre pelo PSB.

Rachadinha?
O ex-vereador e agora assessor, recebe um salário bruto de  R$ 2.635,00  da Assembleia Legislativa do Estado. Em um primeiro áudio, ele explica que o valor é depositado em sua conta bancária. “O Jenilson faz esse depósito na minha conta de dois mil seiscentos e poucos e é dividido por três pessoas em partes iguais, entendeu? Esse valor é depositado na minha conta e eu saco e passo pra outras duas pessoas”, diz ele.
Pergunta que não quer calar: Isso aí, não tem outro nome não?

Iniciativa pessoal 
Mas ao perceber que tinha falado demais e muito questionado pelos integrantes do grupo no aplicativo, o ex-vereador gravou um segundo áudio, no qual diz ter se equivocado em sua primeira fala. Segundo ele, a divisão do valor recebido como assessor parlamentar, é uma iniciativa pessoal, e não uma determinação do deputado.

“Me expressei mal”
“Eu recebo um valor como assessor parlamentar do deputado Jenilson aqui no Jordão. E o que eu quis dizer ali… me equivoquei um pouco… eu ajudo mais duas pessoas com esse valor. Quando fui me expressar, me expressei mal”, disse Olinda. Expressando-se bem ou não, os dois áudios de Roberto Olinda, já é de conhecimento público e foi compartilhada em vários grupos de WhatsApp.

Gente morta
Lembrei do filme Sexto Sentido (aquele com Bruce Willis), em que o menininho repetia o tempo inteiro:  I see dead people. Eu também, garotinho. O tempo todo. E o pior é que essa gente respira. E não só respira, como fala. E às vezes fala na TV. E às vezes tem cargos públicos. E a vezes fala que se equivocou ou usa a frase “uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa”. Que não explica absolutamente nada. Sim, pequeno ator mirim que já deve ser um adulto. Eu também vejo gente morta. E não é fácil.

Cenas reais
“Lobby Stories”. Esse é o título do livro do consultor Jack Corrêa, que promete agitar o mundo da política na capital do país. Cenas reais de uma vida nas antessalas do poder.  Se escrito no Acre, um livro sobre os bastidores da política acreana seria um best-seller com todos ingredientes: farsa, comédia, tragédia. A corrupção, o poder. A inveja. A traição. Glórias e decadências. Intrigas. Surpresas.

Auxílio gás
O Senado aprovou auxílio gás para famílias carentes.  Já é alguma coisa. Num país em que a carne é produto de luxo e não entra na casa de muitos brasileiros faz tempo. Qualquer auxílio já é de grande ajuda para o povo brasileiro, que nos últimos tempos tem sofrido tanto.

Rondônia
Mais de 400 policiais iniciaram no início da semana uma operação para reintegrar posse de oito fazendas invadidas em Rondônia. O foco da ação, coordenada pela Polícia Militar (PM)ficou principalmente no distrito de Abunã, região com frequentes casos de invasões de propriedades, vítimas torturadas e executadas.

3º em conflito
Um estudo divulgado em junho deste ano revelou que Rondônia é o terceiro estado da Amazônia Legal com mais registros de conflitos no campo, segundo dados do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) e da Comissão Pastoral da Terra (CPT). Ao todo, o território rondoniense acumula 678 ocorrências de conflito agrário entre 2010 e 2019. Segundo o Imazon, 2016 foi o ano com mais casos de conflitos no campo em Rondônia: com 146 ocorrências.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Acre em notas
Sobre Acre em notas
Painel sobre política e bastidores das notícias
Rio Branco - AC
Atualizado às 06h15 - Fonte: Climatempo
24°
Muitas nuvens

Mín. 23° Máx. 30°

24° Sensação
4 km/h Vento
100% Umidade do ar
90% (20mm) Chance de chuva
Amanhã (10/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sábado (11/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.