Domingo, 17 de Outubro de 2021 19:35
(68) 99971-5137
Política Opinião

ACRE EM NOTAS | Comunidade

O governador estreitou contato e prometeu ouvir os moradores dos bairros para determinar investimentos em infraestrutura e saneamento

17/09/2021 10h09 Atualizada há 4 semanas
Por: Redação Fonte: Acreaovivo.com
Gladson Cameli explana à líderes comunitários de Rio Branco. Foto: Marcos Vicentti/Secom
Gladson Cameli explana à líderes comunitários de Rio Branco. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Sem espanto
O presidente Bolsonaro determinou ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que suspendesse imediatamente a vacinação de adolescentes em todo Brasil e que os que tivessem recebido a primeira dose não recebessem a segunda. Nada a espantar vindo de um presidente que levou meses para comprar vacinas e ainda armou esquemas criminosos que estão sendo desvendados pela CPI do Senado.

Pouco
Parece que as quase 600 mil mortes ainda são poucas para o desvario do governo, que será preciso agora morrer jovens para completar o quadro. Felizmente, o Acre anunciou que não vai paralisar a imunização dos jovens maiores de 12 anos. Vamos ver até quando será possível resistir. Com certeza, o governo federal quer economizar o dinheiro que gastaria nas vacinas dos adolescentes. Possivelmente para comprar cloroquina ou ivermectina.

Armas
Depois de votar a favor do marco temporal na questão indígena, o ministro Nunes Marques, indicado por Bolsonaro, pediu vista e parou a votação que pode derrubar os decretos de facilitação de compras de armas e munição do presidente. Entretanto, as decisões monocráticas de ministros que suspenderam pontos obscuros dos decretos ainda prevalecem, até a decisão final.

Revolta
O conselheiro Ronald Polanco, normalmente tranquilo e centrado, se revoltou ontem, em sessão do TCE, depois que seus pares foram confrontados com a situação de que não adiantava pedir tomada extra de contas de uma prefeitura do interior que não gastou os 25% exigidos na Constituição com a Educação. É que uma lei do senador Marcos Rogério, de Rondônia, determinou que nenhuma punição cabe a gestores que deixam de cumprir a norma legal.

Pedir o boné
Polanco ameaçou deixar o tribunal se essa norma e a outra que garante a elegibilidade dos fichas sujas condenados pelas cortes de contas forem mantidas. Diz que se recusa a participar de um faz de contas.

Repetição
Pode repetir o gesto do ministro Vitor Nunes Leal, do TSE, que, ao ser promulgado o AI5 deixou sua toga em cima de sua cadeira na corte e nunca mais voltou até ser cassado. Agiu em defesa da liberdade e da moralidade.

Pressão
As empresas de ônibus, pelo menos a Viação Floresta, fizeram movimento no terminal tentando pressionar os vereadores a votarem o auxílio gordo da prefeitura ao setor. Os interesses estão claros. E tem quem as defenda na prefeitura e no parlamento municipal.

Mudanças
A política é como nuvens, diria Ulisses Guimarães. Quando se pensava que o governo havia encontrado o ponto de equilíbrio com sua equipe, tudo se revira de uma vez e novas mudanças estão previstas, além da demissão a pedido da secretária Eliane Sinhasique. Outra importante secretaria deve mudar de mãos em breve.

Partido
O senador Márcio Bittar confirma que foi convidado a deixar o MDB e se filiar a outro partido. Ao contrário do que se especula, seu destino não seria o DEM, que está fechado com a candidatura de Alan Rick ao Senado e não acolheria Márcia Bittar. O senador vai para onde o presidente se decidir até às eleições.

Surto
A secretaria de saúde e a vigilância sanitária investigam surto de diarreia em Cruzeiro do Sul. A situação parece ser séria e será estudada a causa e estabelecido um protocolo de atendimento dos casos e bloqueio da infecção.

Comunidade
O governador Gladson Cameli se reuniu ontem com dezenas de líderes comunitários de Rio Branco, na nova sede da Central de Apoio às Associações de Moradores e outras Entidades Civis Organizadas do Estado do Acre (Ceames/Acre), no bairro do Bosque. O governador estreitou contato e prometeu ouvir os moradores dos bairros para determinar investimentos em infraestrutura e saneamento.

Operação
Todos os dias novas operações desarticulam quadrilhas e grupos ligados a facções envolvidos com o tráfico de drogas. A surpresa ontem foi a descoberta de que uma dessas quadrilhas tinha um informante dentro do Ministério Público em Cruzeiro do Sul. A que ponto se chegou na sofisticação do crime. O servidor preso foi imediatamente afastado pelo MP. Dias atrás, em Rondônia, uma outra operação da Polícia Federal prendeu um esposo de uma promotora de Justiça e que também era servidor do gabinete do senador Marcos Rogério. São tentáculos do crime organizado infiltrados nas esferas do poder público.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Acre em notas
Sobre Acre em notas
Painel sobre política e bastidores das notícias
Rio Branco - AC
Atualizado às 21h25 - Fonte: Climatempo
23°
Alguma nebulosidade

Mín. 20° Máx. 30°

23° Sensação
6 km/h Vento
94% Umidade do ar
83% (30mm) Chance de chuva
Amanhã (18/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 27°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (19/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 28°

Chuvoso