Quarta, 22 de Setembro de 2021 07:08
(68) 99971-5137
Auto & Moto Motociclismo

Segunda etapa do campeonato brasileiro de motovelocidade CBM

O forte calor foi o maior obstáculo para o desempenho das motocicletas e pilotos no autódromo de Goiânia

02/07/2021 11h45 Atualizada há 3 meses
Por: Redação Fonte: Acreaovivo.com | Texto e fotos: Marcelo Moreira
Largada da SBK PRO. Foto Marcelo Moreira.
Largada da SBK PRO. Foto Marcelo Moreira.

Rodrigo Dazzi venceu, com sua BMW, a segunda etapa do brasileiro de motovelocidade e Goiás Superbike, na principal categoria, SBK PRO, no final de semana passado, no autódromo de Goiânia. O forte calor foi o maior obstáculo para o desempenho das motocicletas e pilotos, mesmo assim, prevaleceu o favoritismo do "Carequinha voador". Dazzi (Ello, Viaggio, Speedcar), continua sobrando na turma e já soma 4 vitórias em 4 corridas, 100% de aproveitamento.

Na categoria Supersport 600, o rider Mesquita venceu no sábado e Welber Barros na corrida de domingo.

Entre as motos com 300 cilindradas, com grid de 38 motos, o pega que chamou atenção no telão dos boxes, foi com a piloto Raquel99 e o Cerciari20. A disputa foi intensa, no sábado a Raquel levou a melhor e, no domingo, os dois discutiam a liderança da corrida, mas, na última volta, um retardatário acabou por atrasar Raquel e, com isso, Cerciari venceu. Correndo por fora, Dal Pereira obteve dois terceiros lugares, também acelerando forte e com estilo.

No monomarca Yamalube R3 bLU cRU Cup, agora para a América do Sul, na categoria Talent a vitória no sábado ficou com Kevin Fontainha e no domingo, Gustavo Manso levou o troféu do vencedor.

Na participação da equipe carioca Center Moto Racing (cerveja Império, Grupo Saga e CH Barra Imobiliária), principal categoria, SBK PRO, o piloto Pedro Lins, conquistou, com sua Suzuki GSX R 1000 R, a terceira e a quarta colocação. "Fim de semana difícil, sofri uma queda nos treinos de sábado, o que atrapalhou toda programação",  lamentou PL30.

Na categoria Supersport 600, o piloto Alex Pires, sofreu com sua Honda. Na corrida de sábado, assumiu, na primeira volta, a terceira posição. Porém sua moto foi perdendo rendimento e AP56, finalizou  em sexto. No domingo o problema se agravou, "Não consegui completar a primeira volta, fiquei no caminho e o jeito foi assistir à corrida no guard rail", finalizou o piloto da 600cc.

Marcaram esta etapa, a presença do ex-piloto e professor de mais da metade do grip, o carioca Tinho e a turma da Techtime, organizadores do GP Gerais e do campeonato brasileiro. Bacana ver o esforço do Tucano, Donato, Gabriela e cia., buscando realizar um campeonato cada vez melhor e mais forte. Recompensando também o belo trabalho de toda equipe de Roberto Boettcher, na organização do Goiás Superbike.

A próxima etapa do campeonato brasileiro de motovelocidade CBM, está confirmada para começar no dia 30 de julho, com os treinos livres. Dia 31 de julho e 1 de agosto serão realizadas as provas da rodada dupla, com transmissão ao vivo no YouTube.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Rio Branco - AC
Atualizado às 08h59 - Fonte: Climatempo
23°
Muitas nuvens

Mín. 24° Máx. 31°

23° Sensação
4 km/h Vento
94% Umidade do ar
67% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (23/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sexta (24/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 30°

Sol com muitas nuvens e chuva