Quinta, 26 de Maio de 2022
27°

Muitas nuvens

Rio Branco - AC

Auto & Moto Opinião

TIME TO RACE | Cuidado com a maldição

No caso do Nelson é gravíssimo, porque, há algum tempo, suas grosserias e brincadeiras tem se voltado, como uma espécie de maldição, contra ele

10/05/2021 às 22h05
Por: Redação Fonte: Acreaovivo.com
Compartilhe:
Comendador Enzo Ferrari, fundador da Scuderia. Foto reprodução Internet.
Comendador Enzo Ferrari, fundador da Scuderia. Foto reprodução Internet.

Por Marcelo Moreira

Sem a nossa tradicional resenha de segunda-feira, na padaria do seu Manoel, sigo analisando os fatos da semana. Quem estranhou as declarações de Nelson Piquet, com relação a Rede Globo, não o conhece bem. Ele sempre foi assim, sem compromisso com o que diz.  Não se importa em ofender quem quer que seja, ou se vai repercutir bem ou mal. Desta vez, o jornalista esportivo José Trajano, usou o Twitter para responder Piquet, no mesmo nível e olha como ficou:

"Gastei anos exaltando Piquet. Na polêmica ele x Senna, quebrava o pau. Diziam que era metido e mal educado. Dava de ombros. Hoje vejo que errei! Ele é um babaca, playboyzinho de bosta, que não honra as calças do pai, ministro da saúde de Jango. Triste jogar um ídolo no lixo". Escreveu no Twitter, Trajano.

Acho errado a falta de classe de ambos. No caso do Nelson é gravíssimo, porque, há algum tempo, suas grosserias e brincadeiras tem se voltado, como uma espécie de maldição, contra ele. Lembro de ler uma história hilária do tri-campeão, em uma festa, pós-corrida, quando uma repórter, que não era especializada, insistia numa entrevista com o piloto. Para resumir, Piquet concedeu a entrevista e para sacanear a jornalista, afirmou, categoricamente, que os resultados na Fórmula1, eram todos arranjados nos boxes ou antes das provas. Gargalhadas a parte, anos depois, o pobre coitado do Nelsinho, abandonou a F1, com aquela mutreta da Renault, onde lhe deram a ordem de bater no muro de propósito para beneficiar seu companheiro de equipe Alonso, "fabricando" uma vitória.

Em outra ocasião, lembro de Nelson pai, em entrevista a uma revista, se não me engano, afirmar que o Comendador Enzo Ferrari, ainda vivo na ocasião, não passava de um "velho gaga", e olha o Nelson aí falando, parecendo que está mesmo gaga. O que o tempo não faz com as pessoas. Se pudesse lhe dar um conselho (tenho certeza que além de não aceitar o conselho, me mandaria para vários lugares), diria para, devido suas últimas declarações, tomar cuidado até para andar na calçada. Pode tropeçar numa casca de banana e bater a cabeça numa lata de... lixo.

A Império Endurance Brasil, o campeonato dos carros de série mais velozes do planeta, estreou com as 4 Horas de Goiânia. Venceu o trio formado pelos pilotos Fernando Fortes, Fernando Ohashi e Henrique Assunção, dividindo o veloz protótipo nacional AJR Racing.

O protótipo AJR Racing, vencedor nas 4 Horas de Goiânia. Foto divulgação. 

 

Na Fórmula 1, depois de Portimão, circuito rejeitado apenas por Max Verstappen, foi a vez de Barcelona receber as feras. Serviu muito para confirmar que as coisas estão do mesmo jeito. A Mercedes tem o melhor carro e o melhor piloto. Max e suas largadas espetaculares, está um pouco mais próximo de Lewis, mas não o suficiente. Enquanto isso, Bottas vai garantindo o emprego, tomando pau e dando entrevista com aquela cara de cachorro de caiu do caminhão de mudança. Na outra ponta, Russell insiste em dar show, pilotando a Williams, que até melhorou, deixando de ser a última do grid.

Largada do GP da Espanha de F1. Foto reprodução Internet.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários