Quinta, 15 de Abril de 2021 08:47
(68) 99971-5137
Cultura Ações culturais

Acre recebe R$ 500 mil de emenda parlamentar para investir no setor cultural

O presidente da FEM, Manoel Pedro Gomes (“Correinha”), contou que os recursos serão destinados à recuperação do parque elétrico da Usina de Arte João Donato e à compra de equipamentos para a promoção de ações culturais e de formação

05/04/2021 16h33
43
Por: Denis Henrique Fonte: Secom
Acre recebe R$ 500 mil de emenda parlamentar para investir no setor cultural

A Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM) recebeu nesta segunda-feira, 5, a senadora Mailza Gomes (PP-AC). O encontro foi realizado no gabinete da presidência, em Rio Branco, e visou estreitar laços e viabilizar recursos para investimento no setor cultural do Estado do Acre. Foram disponibilizados R$500 mil de emenda parlamentar para proporcionar melhorias nos ambientes de cultura.

O presidente da FEM, Manoel Pedro Gomes (“Correinha”), contou que os recursos serão destinados à recuperação do parque elétrico da Usina de Arte João Donato e à compra de equipamentos para a promoção de ações culturais e de formação. “Mailza tem tido um olhar muito sensível com a cultura do Estado. Nossas portas estão abertas para que os demais parlamentares venham conhecer a Fundação e o que desenvolvemos aqui nos últimos anos”, ressaltou.

A visita se estendeu à Galeria de Artes Juvenal Antunes e ao Cine-Theatro Recreio, ambos localizados em frente ao Calçadão da Gameleira, no centro de Rio Branco. Os espaços atualmente se encontram fechados devido à situação emergencial da pandemia do novo coronavírus.

A senadora se colocou à disposição da FEM para contribuir e abrir portas para a cultura do Estado. “Esse trabalho que é construído com tanto carinho representa a riqueza que a gente tem na nossa vida, que vem das nossas raízes, das nossas famílias. É uma alegria estar conhecendo os espaços e quero me colocar à disposição para ajudar vocês a desenvolverem a área cultural com muito empenho”, destacou.

Correinha relembrou a luta do setor para a prorrogação da lei federal nº 14.017/2020, a Lei Aldir Blanc, com o empenho para que as datas de execução e prestação de contas sejam prorrogadas e para que a sobra dos recursos permaneça nos estados e municípios.

“Nós injetamos, com a Lei Aldir Blanc, quase 12 milhões de reais na cultura. Nunca houve um aporte tão significativo destinado especificamente ao setor. Restaram quase R$5 milhões de reais em recursos, que infelizmente não podemos reutilizar devido às especificações da lei federal”, lamentou.

O presidente acrescentou ainda que planeja modernizar os equipamentos do Cine-Theatro Recreio, local onde ocorrem exposições de filmes e performances teatrais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.