Quarta, 22 de Setembro de 2021 06:29
(68) 99971-5137
Ciência e Saúde Gestão

Sem estoque, Rio Branco suspende vacinação contra a Covid-19 para idosos a partir deste sábado (6)

Secretário afirma que vacinação do público de idosos deve ser retomada após chegada de mais doses, mas que não há data prevista.

06/03/2021 18h15 Atualizada há 7 meses
Por: Claudio Angelim Fonte: G1
Foto: Kelton Pinho/Rede Amazônica
Foto: Kelton Pinho/Rede Amazônica

O secretário de Saúde de Rio Branco, Frank Lima, informou, neste sábado (6), a suspensão da aplicação da primeira dose da vacina de combate à Covid-19 na capital acreana para idosos, após zerar o estoque. Essa etapa ficará suspensa até que o município receba um novo lote do imunizante.

Rio Branco, segundo dados divulgados pelo secretário, recebeu um total de 19.370 doses de vacina até agora e 16.770 foram aplicadas. As 2,6 mil doses que sobraram são destinadas aos trabalhadores da saúde que continuam sendo vacinados.

“As vacinas que recebemos para o público de idosos nós já conseguimos executar todas. E aí, estamos aguardando que, na semana, o Ministério da Saúde possa estar enviando novos lotes para que a gente possa disponibilizar ao público. Neste sábado e segunda-feira [8], que é feriado, e terça [9], não vai ter vacinação para idosos. Vamos aproveitar que não temos vacina para o público nesse momento, para que a gente possa zerar esse público acima de 80 anos que está acamado, tem uns 70 a 80 que não receberam a vacinação”, informou o secretário.

Segundo Lima, mais de 350 idosos acamados já receberam a vacina. O secretário disse ainda que os profissionais de saúde da rede de assistência do estado e município já foram alcançados com a vacinação e a partir desta semana deve ser iniciada a vacinação dos profissionais de saúde da rede privada.

“Como o Ministério da Saúde não tem data para receber esse imunizante que está vindo de fora do Brasil, ele não tem data com os estados e municípios. Então, nós não podemos precisar dias, ou datas. O fato é que a gente recebeu aqui e no dia seguinte já estava disponível. Já temos a expertise, já sabemos como proceder”, disse.

Vacinação na capital

Antes de acabar o estoque, a Prefeitura de Rio Branco tinha avançado mais uma faixa etária para imunização contra a Covid-19. Os idosos com 72 anos ou mais puderam receber a vacina em um dos seis pontos de vacinação da capital.

A imunização do novo grupo etário foi anunciada pela Prefeitura de Rio Branco após a chegada do 6º lote de vacinas contra a Covid-19 no estado com mais 5,2 mil doses da CoronaVac. A imunização dos idosos com idade a partir dos 72 anos começou na quinta (4).

Conforme o governo, do total de 5,2 mil doses que chegaram ao estado na quarta (3), 1,1 mil são destinadas aos idosos e outras 200 para trabalhadores da saúde.

A aplicação dos imunizantes nos idosos com mais de 72 anos estava sendo feita em dois pontos por drive thru e também em quatro unidades de saúde do município.

A vacinação dos profissionais de Saúde ocorre no local de trabalho dessas pessoas, como forma de otimizar a execução do Plano Municipal de Vacinação. Cabe aos chefes imediatos a convocação dos profissionais.

Novas doses

O Acre recebeu, na tarde de quarta (3), o 6º lote de vacinas contra a Covid-19. No total, 5,2 mil doses do imunizante CoronaVac, distribuído pelo Instituto Butantan.

Antes desse, havia chegado 21,9 mil doses que foram entregues em duas partes. O primeiro lote chegou no dia 24 de fevereiro junto com o presidente Jair Bolsonaro (13,5 mil doses vacina AstraZeneca/Oxford). O restante (8,4 mil doses da CoronaVac) chegou no dia seguinte, 25 de fevereiro. Bolsonaro (sem partido) esteve no estado para fazer um sobrevoo na áreas atingidas pela cheia dos rios. O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, acompanhou o presidente na visita ao Acre.

De acordo com o Setor de Imunização da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), foram contemplados em todo o estado 82% dos trabalhadores da Saúde, 100% dos idosos acima de 75 anos de idade, e 33% dos idosos de 70 a 74 anos de idade e 100% dos idosos acima de 60 anos institucionalizados. Os indígenas foram contemplados com 100% das primeira e segunda doses, porém, a cobertura vacinal está em torno de 30%. Os deficientes institucionalizados também foram 100% atendidos.

No geral, segundo o Setor de Imunização do estado, os próximos públicos são idosos não acamados, domiciliados e os que podem se deslocar até as unidades de saúde ou até os pontos de drive thru, além dos trabalhadores da Saúde.

Conforme o governo do estado, com esse novo lote, deve ser feita a imunização de mais 1,8% dos trabalhadores da Saúde e 20% dos Idosos de 70 a 74 anos.

MP cobra calendário

A Promotoria de Justiça Especializada de Defesa da Pessoa Idosa e Pessoa com Deficiência, do Ministério Público do Estado do Acre, instaurou um procedimento preparatório para apurar possíveis irregularidades no processo de vacinação contra a Covid-19 de idosos e pessoas com deficiência permanente em Rio Branco.

No documento, o órgão destaca que milhares de pessoas idosas estão à espera da primeira dose da vacina. No entanto, a Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA) não teria apresentado nenhum plano de vacinação destinado aos idosos, que fazem parte do grupo prioritário para recebimento das doses, o que, segundo o MP, gera uma “crise de depressão e ansiedade” nesse público.

Ao G1, o secretário municipal de Saúde de Rio Branco, Frank Lima garantiu que o órgão tem acompanhado de perto esse processo de vacinação e que não há irregularidades. Neste sábado (6), ele informou que o portal da transparência sobre a vacinação já deve ser colocado no ar.

Vacinação no Acre

De acordo com informações disponíveis no Portal de Transparência, o Acre recebeu 58.798 vacinas contra a Covid-19. Mas, segundo a gerente do PNI, Renata informou na quinta (25) ao Bom Dia Acre, antes da chegada do novo lote nessa quarta, ao todo já tinham sido recebidas mais de 79 mil doses de vacinas pelo estado.

Até este sábado (6), o estado vacinou 29.517 pessoas, sendo 24.560 com a primeira dose da vacina e 4.932 com a segunda. Ainda segundo o portal, a capital Rio Branco vacinou 9.598 pessoas e Cruzeiro do Sul, segunda maior cidade do Acre, 4.996.

Segundo o governo, o número de doses aplicadas que consta no portal refere-se aos dados já inseridos no sistema do Ministério da Saúde, cujas atualizações são realizadas pelos municípios. Por isso, pode haver atraso nas informações.

Menor percentual de vacinação

Um balanço do consórcio de veículos de imprensa, formado por G1, O Globo, Extra, O Estadão de S.Paulo, Folha de S.Paulo e UOL, mostra que o Acre é o estado com menor percentual de vacinação contra a Covid-19 no país, com 0,65% a população vacinada.

De acordo com os dados, que são os disponíveis pelo Ministério da Saúde e painel de informação da vacina, foram vacinadas 5.799 pessoas em todo estado, sendo 4.892 trabalhadores de Saúde; 844 indígenas e 63 idosos. Os dados são referente até 31 de janeiro, já que desde então ainda não foi atualizado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Rio Branco - AC
Atualizado às 08h18 - Fonte: Climatempo
23°
Poucas nuvens

Mín. 24° Máx. 31°

23° Sensação
4 km/h Vento
94% Umidade do ar
67% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (23/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sexta (24/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 30°

Sol com muitas nuvens e chuva