Sábado, 27 de Fevereiro de 2021 05:07
(68) 99971-5137
Política OPINIÃO

COLUNA POLÍTICA | Vergonha

O deputado Alan Rick e a deputada Mara Rocha votaram ontem pela soltura do deputado Daniel Silveira para se livrar da prisão ordenada pela unanimidade do STF.

20/02/2021 20h25 Atualizada há 5 dias
707
Por: Redação Fonte: Acreaovivo.com
Deputada Mara Rocha (PSDB/AC) votou pela libertação do colega Daniel Silveira
Deputada Mara Rocha (PSDB/AC) votou pela libertação do colega Daniel Silveira

Cobrança

O governador Gladson Cameli ameaçou recorrer ao STF exigindo vacinação em massa no estado em razão do agravamento da pandemia, dos casos de dengue, da situação de emergência pelas enchentes e da crise de imigração ilegal na fronteira. Faz bem o governador. Não pode ficar de braços cruzados diante da inércia do governo federal.

Hidroxicloroquina

Ontem, em vez de direcionar todos os esforços na compra de vacinas, o Ministério da Saúde abriu licitação para a compra de... Hidroxicloroquina! Não é possível. Que país é este, gente?

Furas-filas

Enquanto isso, o Ministério Público abriu investigação sobre as denúncias de fura-filas na vacinação do Acre. Pelo menos três casos serão investigados, entre eles o de assessor da senadora Mailza que postou o momento da vacinação nas redes sociais. Tomara que, se comprovadas as fraudes, haja alguma punição. Na Argentina, escândalos como esses causaram a demissão do Ministro da Saúde, situação semelhante à ocorrida no Peru. Em Londres, uma serial killer foi vacinada antes dos profissionais de saúde da prisão onde se encontra.

Pena

É de dar pena a notícia de que um venezuelano tentou se matar subindo em uma torre de alta tensão em Rio Branco, provocando uma grande operação de resgate, que deixou cinco cidades sem energia e quase mata os pacientes de covid-19 no INTO, com o gerador parado. O episódio deve levar a uma reflexão sobre solidariedade e acolhimento, Especialmente em época de quaresma, de campanha da Fraternidade, é preciso despertar um olhar mais cristão para os que nada tem, para os que estão longe de casa, sofrendo sem nenhuma solução.

Bíblico

É a Bíblia que conta que o povo judeu tem, entre seus princípios básicos, o de acolhimento dos estrangeiros, para lembrar que eles também um dia foram estrangeiros escravizados no Egito. Por aqui, muitas vezes se considera os imigrantes ilegais apenas como um problema a ser resolvido com a guarda nacional, sem levar em conta que estamos falando de famílias, de pais e mães, de crianças, todos desesperados. 

Vergonha

O deputado Alan Rick e a deputada Mara Rocha votaram ontem pela soltura do deputado Daniel Silveira para se livrar da prisão ordenada pela unanimidade do STF, por ataques aos ministros daquela corte e por pregar a ditadura e outras sandices mais.

O argumento dos dois acreanos foi de que ele estava amparado pela imunidade parlamentar.  Oi? Ah, não venham com essa. Defenderam o indefensável. Vergonha!

Voto

E felizmente não funcionou. A Câmara dos deputados votou a favor da manutenção da prisão e o deputado deve ser também cassado. O placar foi de 364 votos a favor da prisão contra 103 para livrar Daniel Silveira.

Água

Governo do estado e prefeitura de Rio Branco definiram a instalação de comissão que terá o prazo de seis meses para concluir a transferência do abastecimento de água para a municipalidade. O prefeito comemorou, prometendo que o senador Márcio Bittar vai conseguir dinheiro para investimentos. É a segunda aposta cravada do prefeito nas ações de Bittar. Ele conta com o senador para viabilizar os R$ 200 milhões para a revitalização do São Francisco. Muita responsabilidade em tempos difíceis, de arrocho financeiro.

Sem dinheiro

O coordenador nacional da defesa civil, coronel Alexandre Lucas Alves veio verificar a extensão do problema das enchentes do estado. Trouxe técnicos, boa vontade, conhecimento, mas não trouxe o principal: recursos, dinheiro. Ficou só promessa de doação de sacolões e material para acampamentos de urgência. De concreto, mãos abanando, ainda.

Previsão

Desde meados do ano passado já se sabia que eram grandes as possibilidades de enchente no Acre. Tudo por conta do aparecimento do fenômeno La Niña, que causa esfriamento anormal das águas do oceano Pacífico, em virtude do aumento da força dos ventos alísios. No Brasil, o La Niña provoca a intensificação das chuvas na Amazônia, no Nordeste e em partes do Sudeste. É o caminho para o alagamento. A prefeitura montou, na gestão de Socorro Neri, um plano de contingência, que parece ter sido esquecido nessa gestão, que partiu do zero.

Pressão

Os vereadores estão aumentando a pressão sobre o prefeito Bocalom. Ontem, o prefeito e o secretário municipal de Saúde se reuniram com o vereador Adailton Cruz, do PSB, que foi cobrar providências a respeito da vacinação da COVID e do atendimento aos contaminados pela dengue. O vereador havia percorrido várias UBS e Uraps e apontou as deficiências encontradas. Adailton reclamou que os pedidos de informação feitos pela Câmara Municipal não são respondidos pelas autoridades municipais.

Ativista

Confundida com envolvimento em tráfico de pessoas, presa há meses no Acre e ameaçada de deportação, a ativista pelos direitos das mulheres e cineasta iraniana Mahnaz Alizadeh está sendo alvo de uma campanha internacional por sua libertação. Ela fugiu do Irã, dominado por fundamentalistas mulçumanos xiitas, depois de perseguida por suas posições políticas e depois da repressão que levou a advogada Nasrin Sotoudeh, a ser condenada a 38 anos de prisão e 148 chicotadas. A cineasta tentava chegar ao Canadá, via Acre, mas foi detida e está em uma ela superlotada de integrantes de facções, processada e ameaçada de ser devolvida a seu país, onde corre risco de morte. Ela é respeitada em todo o mundo do cinema, com uma obra significativa.

Barril de pólvora

Neste domingo o Acre voltará à evidencia em nível nacional, com matéria no Domingo Espetacular, da Rede Record, em que o estado é comparado a um barril de pólvora.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.